LULA: TERCEIRIZAÇÃO É RETROCESSO PRÉ-GETÚLIO‏

lula

 

Em discurso em um seminário promovido pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, ex-presidente Lula disse que, com o projeto de lei, estamos voltando a 1930, “quando a classe trabalhadora era tratada da forma mais perversa possível”; “Os empresários querem acabar com a justiça do trabalho. Acham que tem que rasgar a CLT […] Não é porque a lei é de 1946 que tem de jogar fora.”; “Acho que, tranquilamente, a companheira Dilma vai vetar”, concluiu o ex-presidente

247 – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, nesta terça-feira (28), que o projeto de lei 4330, que regulamenta a terceirização dos trabalhadores, “é um retrocesso a antes do governo de Getúlio Vargas”.

“Estamos voltando a 1930, tentando estabelecer uma relação de trabalho com um só ganhador, o patrão, e milhões de perdedores, os trabalhadores”, disse. “Com essa lei eles querem voltar ao passado, quando a classe trabalhadora era tratada da forma mais perversa possível”, afirmou. “Os empresários querem acabar com a justiça do trabalho. Acham que tem que rasgar a CLT […] Não é porque a lei é de 1946 que tem de jogar fora.”

O discurso ocorreu na abertura de um seminário promovido pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Entre os participantes, estavam representantes do Ministério Público do Trabalho, da Justiça do Trabalho e sindicalistas. Lula relembrou sua trajetória no Sindicato dos Metalúrgicos, que começou em 1969, e disse que a greve encabeçada pela categoria na Scania foi um marco para a democracia do País: “Foi o primeiro acordo coletivo que eu fiz e que aprovamos, na porta da fábrica”.

Ao concluir, minimizou a questão do PL sobre a terceirização, afirmando: “Acho que, tranquilamente, a companheira Dilma vai vetar”.

 


| Deixe seu Comentário


ALFREDO RUY FAZ REUNIÃO COM MORADORES DO BAIRRO LIBERDADE‏

Fotor_142998696566113

Um dos integrantes da FRENTE CIDADÃ, e anunciado como pré-candidato, em disputa interna com mais quatro nomes, com destaque para o médico doutor Adauto, Alfredo Ruy começou sua caminhada nesta sexta-feira, se reunindo com moradores do bairro Liberdade, vizinho ao antigo Matadouro Municipal.

Segundo Alfredo Ruy, a reunião com os moradores foi extremamente proveitosa para que, aquela comunidade tomasse conhecimento do que ele pensa em direção às melhorias da cidade como um todo, especialmente suas áreas mais carentes; propôs ainda, o aspirante a prefeito do município, a criação de uma associação de moradores do bairro, no intuito de fortalecer e pleitear com legitimidade suas reivindicações.

Alfredo Ruy, que é filho do saudoso doutor Ruy Costa, parece levar a sério sua incursão na política local, trilhando assim, o caminho deixado pelo seu pai.

Se a corrida sucessória para uns só começará em julho de 2016, para Alfredo Ruy ela está começando agora.


| Deixe seu Comentário


DILMA COMEÇA A CONSTRUIR UMA BOA NARRATIVA‏

dilma

 

A chamada de capa da revista Carta Capital deste fim de semana é precisa. “A situação da Petrobras é melhor do que a mídia gostaria e frustra quem sonha em devovê-la ao projeto entreguista do governo FHC”.

Em uma frase, ela resume o que pode vir a ser o eixo central da narrativa do segundo governo Dilma. Depois de sofrer o mais intenso bombardeio a que uma presidência já foi submetida, Dilma resistiu. Mais do que isso, sua resistência simboliza, ainda, a permanência do modelo de partilha no pré-sal.

No dia em que a Petrobras publicou seu balanço, a última quarta-feira 22, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) soltou uma declaração emblemática. Disse que os prejuízos da estatal justificariam uma mudança no modelo do petróleo, com a retomada das concessões. Dias antes, o senador Aloysio Nunes, que era seu vice, publicou um artigo na Folha, em que dizia defender a Petrobras, mas, na prática, falava em nome dos interesses de empresas como Exxon e Chevron (leia mais aqui), defendendo também a abertura do pré-sal a firmas estrangeiras.

Com o fim do chamado ‘terceiro turno’, encerrado depois que o jurista Miguel Reale Jr. se negou a assinar um parecer pró-impeachment encomendado pelo PSDB (saiba mais aqui), o Brasil poderá, aos poucos, retomar certa normalidade. No governo federal, a aposta para reativar a economia é um pacote de concessões que pode chegar a R$ 150 bilhões (leia aqui). A isso, somam-se os acordos de leniência com as construtoras, que poderão voltar a trabalhar e a retomar contratações.

No entanto, nada é tão importante quanto a Petrobras. Nas últimas semanas, a empresa obteve financiamentos do Banco de Desenvolvimento da China, de três bancos nacionais (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Bradesco) e também manteve sua classificação de risco. Caso o mercado internacional de petróleo se normalize, como já ocorreu com o minério de ferro, que fez as ações da Vale dispararem 30% na última semana, a Petrobras poderá ter melhoras significativas em suas condições financeiras.

Num cenário hipotético, imagine o que Dilma poderá dizer, ao final de seu mandato, caso o Brasil consiga se transformar num grande exportador de petróleo, gerando mais divisas para o País. Impossível? Pois a Shell decidiu pagar US$ 70 bilhões pelas operações da BG no Brasil apostando que, assim, poderá multiplicar por dez sua produção de petróleo até o fim da década.

“O Brasil é o país mais excitante para o mercado de petróleo no mundo”, disse Ben van Beurden, executivo-chefe da Shell, que se encontrou com a presidente Dilma na última semana. Quem é do ramo sabe que o Brasil está sentado sobre um mar de óleo e gás. Caso essa riqueza se materialize, Dilma poderá terminar seu mandato numa condição que hoje parece inimaginável.


| Deixe seu Comentário


PSDB RECUA E GOLPISMO DE AÉCIO SOBE NO TELHADO

psdb

 

Depois do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que disse nos últimos dias que a movimentação pelo impeachment é precipitada e que o tema não é uma prioridade dentro do partido, os senadores José Serra (SP), Tasso Jereissati (CE) e Álvaro Dias (PR) negaram fazer parte da campanha que Aécio Neves (MG) quer protagonizar contra a presidente Dilma Rousseff; Serra chegou a dizer: “Não faria desse jeito. Precisa ter fato. O fato ainda não aconteceu. Não teve o Fiat Elba”; ontem, os tucanos se reuniram com o jurista Miguel Reale Jr., que também foi reticente; charge de Caruso publicada ontem no Globo mostra o impeachment como um brinquedo nas mãos de Aécio; colunista Jânio de Freitas vê isolamento e até ameaça à escolha do tucano para disputar a presidência em 2018


| Deixe seu Comentário


GLOBO É A PRINCIPAL AGENDA DA IMBECILIZAÇÃO DA SOCIEDADE

Declaração foi feita pelo jornalista e professor Igor Fuser, no momento em que a emissora dos Marinho completa 50 anos; “A Globo esteve ao lado de todos os governos de direita, desde o regime militar – no qual se transformou no gigante que é hoje”, diz ele; “No plano cultural, o papel da Globo é sempre o de anestesiar as consciências, bloquear qualquer tipo de reflexão crítica”; ele afirma, ainda, que o jornalismo da emissora “contraria os padrões básicos da ética”

22 DE ABRIL DE 2015 ÀS 07:22

Brasil – Diário Liberdade – A Rede Globo de Televisão está completando 50 anos de existência em abril de 2015. Este instrumento de manipulação da burguesia opera como o principal agente da imbecilização da sociedade brasileira no plano cultural, na opinião de Igor Fuser, jornalista e professor de Relações Internacionais na Universidade Federal do ABC (UFABC).

Em depoimento para o Diário Liberdade, ele afirma que o papel da Globo “é sempre o de anestesiar as consciências, bloquear qualquer tipo de reflexão crítica”.

Para acabar com esse monopólio da mídia, Fuser acredita que é preciso uma verdadeira democratização das comunicações no Brasil, que “passa, necessariamente, pela adoção de medidas contra a Rede Globo”.

Confira a seguir o depoimento do jornalista e professor Igor Fuser, sobre o papel histórico da Globo, na política, na cultura e nas suas coberturas jornalísticas.

A Rede Globo é o aparelho ideológico mais eficiente que as classes dominantes já construíram no Brasil desde o início do século XX. Substitui perfeitamente a Igreja Católica como instrumento de controle das mentes e do comportamento.

A Globo esteve ao lado de todos os governos de direita, desde o regime militar – no qual se transformou no gigante que é hoje – até Fernando Henrique Cardoso. Serviu caninamente à ditadura, demonizando as forças de esquerda e endossando o discurso ufanista do tipo “Brasil Ame-o ou Deixe-o” e as versões sabidamente falsas sobre a morte de combatentes da resistência assassinados na tortura e apresentados como caídos em tiroteios. Mais tarde, após o fim da ditadura, alinhou-se no apoio à implantação do neoliberalismo, apresentado como a única forma possível de organizar a economia e a sociedade.

No plano cultural, é impossível medir o imenso prejuízo causado pela Rede Globo, que opera como o principal agente da imbecilização da sociedade brasileira. Começando pelas novelas, seguindo pelos reality shows, pelos programas de auditório, o papel da Globo é sempre o de anestesiar as consciências, bloquear qualquer tipo de reflexão crítica.

A Globo impôs um português brasileiro “standard”, que anula o que as culturas regionais têm de mais importante – o sotaque local, a maneira específica de falar de cada região. Pratica ativamente o racismo, ao destinar aos personagens da raça negra papéis secundários e subalternos nas novelas em que os heróis e heroínas são sempre brancos. Os personagens brancos são os únicos que têm personalidade própria, psicologia complexa, os únicos capazes de despertar empatia dos telespectadores, enquanto os negros se limitam a funções de apoio. Aliás, são os únicos que aparecem em cena trabalhando, em qualquer novela, os únicos que se dedicam a labores manuais.

A postura racista da Globo não poupa nem sequer as crianças, induzidas, há várias gerações, a valorizar a pele branca e os cabelos loiros como o padrão superior de beleza, a partir de programas como o da Xuxa.

O jornalismo da Globo contraria os padrões básicos da ética, ao negar o direito ao contraditório. Só a versão ou ponto de vista do interesse da empresa é que é veiculado. Ocorre nos programas jornalísticos da Globo a manipulação constante dos fatos. As greves, por exemplo, são apresentadas sempre do ponto de vista dos patrões, ou seja, como transtorno ou bagunça, sem que os trabalhadores tenham direito à voz. Os movimentos sociais são caluniados e a violência policial raramente aparece. Ao contrário, procura-se sempre disseminar na sociedade um clima de medo, com uma abordagem exagerada e sensacionalista das questões de segurança pública, a fim de favorecer as falsas soluções de caráter violento e os atores políticos que as defendem.

No plano da política, a Rede Globo tem adotado perante os governos petistas uma conduta de sabotagem permanente, omitindo todos os fatos que possam apresentar uma visão positiva da administração federal, ao mesmo tempo em que as notícias de corrupção são apresentadas, muitas vezes sem a sustentação em provas e evidências, de forma escandalosa, em uma postura de constante denuncismo.

A Globo pratica o monopólio dos meios de comunicação, ao controlar simultaneamente as principais emissoras de TV e rádio em todos os Estados brasileiros juntamente com uma rede de jornais, revistas, emissoras de TV a cabo e portais na internet.

Uma verdadeira democratização das comunicações no Brasil passa, necessariamente, pela adoção de medidas contra a Rede Globo, para que o monopólio seja desmontado e que a sua programação tenha de se submeter a critérios pautados pela ética jornalística, pelo respeito aos direitos humanos e pelo interesse público


| Deixe seu Comentário


FEITIÇO DO IMPEACHMENT PODE VIRAR CONTRA O FEITICEIRO

fetico

Paraná 247 – O deputado Vicente Cândido (PT-SP) afirmou que o político que mais corre risco de um impeachment no Brasil atual é o governador paranaense Beto Richa, do PSDB.

“Quem sabe o feitiço não vira contra o feiticeiro? Pelo jeito, o impeachment do qual tanto falam vai acontecer no Paraná”, afirmou.

No sábado de Aleluia, Richa foi malhado como Judas nas ruas de Curitiba.

Leia, abaixo, o relato do blog do Esmael:

Desde ontem à noite, os paranaenses estão malhando o boneco do governador Beto Richa (PSDB). A tradição católica não poupou o tucano considerado Judas (traidor) no município de Nova Esperança, na região Noroeste, a 487 km de Curitiba.

Há relatos de “Malhão de Judas” em outros pontos do estado, mas até agora o Blog do Esmael ainda não recebeu fotos e vídeos.

Se Richa é o principal alvo de malhação, a presidenta Dilma passou incólume da ira pública. Os números da Paraná Pesquisas, de Murilo Hidalgo, explica um pouco disso: o tucano é pior avaliado que da petista no estado; 76% dos eleitores reprovam Richa ante 74% que desaprovam a presidenta.

O senador Roberto Requião (PMDB), pelo Twitter, não perdeu a oportunidade de espezinhar o governador do PSDB: “Que gente malvada! Parecem o ingrato Caramori, depois de tudo que o Beto fez por eles?”.


| Deixe seu Comentário


FHC REJEITA DIÁLOGO E PEDE ‘OPOSIÇÃO NAS RUAS

fhc

Principal ideólogo da linha de ação oposicionista, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso rechaça qualquer possibilidade de diálogo com o governo da presidente Dilma Rousseff para enfrentar a instabilidade política atual; “problema: qual o limite entre diálogo político e ‘conchavo’, ou seja, a busca de uma tábua de salvação para o governo e para os que são acusados de corrupção?”; FHC também pede uma nova atitude para a oposição que, no 15 de março, apoiou, mas não participou dos protestos; “a oposição, além de ir às ruas para apoiar os movimentos populares e reformistas, deve assumir sua parcela de responsabilidade na condução do País para dias melhores


| Deixe seu Comentário


NATURA COMPRA MAIS FAZENDAS NO SUL DA BAHIA‏

guilherme-lealSempre atento aos movimentos nas terras do cacau, Florisvaldo Mattos, jornalista e poeta, conta que Guilherme Leal, o dono da Natura, já dono de grande área na Serra Grande, em Uruçuca, está investindo pesado na região do cacau. O relato dele:

No momento em que o beijo entre duas octogenárias, em Babilônia, novela do horário nobre da TV Globo, causa reações desencontradas no público, as iradas por conta de evangélicos e camadas conservadoras, a Natura, empresa que atua fortemente na área de cosméticos e de presença tradicional neste horário com suas publicidades, desperta intensa curiosidade em setores da produção e comércio da região cacaueira, por de repente aparecer como compradora de fazendas de cacau, menosprezando toda a má fama que a praga da vassoura-de-bruxa espalhou, arrasando com a lavoura.

A estranheza alcançou ponto máximo com a última transação da Natura. Após adquirir várias fazendas na área de Ilhéus e Itabuna, ao comprar pela bagatela de R$ 5 milhões a Fazenda Probidade, uma das joias agrícolas do município de Aurelino Leal, de alta produção, que já pertenceu ao espólio do coronel Misael Tavares, grande produtor de cacau em Ilhéus nos anos 1920-1930

Mais ferveu a curiosidade de muitos quando se viu que a Natura, depois da compra, ainda realizou melhoramentos na propriedade, inclusive no ramal que a liga à rodovia BR-101. A informação que tem abastecido os curiosos indica que a Natura pretende desenvolver nas terras da fazenda, entre as melhores da região, lavouras que atendam a produtos de sua especialidade industrial. Mas não passa daí.

Obs.: Guilherme Leal foi candidato a vice-presidente de Marina Silva em 2010.


| 1 comentário em NATURA COMPRA MAIS FAZENDAS NO SUL DA BAHIA‏


MORRE O ESCRITOR URUGUAIO EDUARDO GALEANO‏‏

galeano

Considerado um dos maiores autores da literatura latino-americana, escritor e jornalista estava internado em um hospital em Montevidéu e morreu devido a complicações de um câncer de pulmão, que já havia sido tratado em 2007; entre suas obras mais famosas estão As Veias Abertas da América Latina, Memórias do Fogo, Os Dias Seguintes, Crônicas Latino-Americanas


| Deixe seu Comentário


SITE DESMENTE MITOS SOBRE LULA

mitos

“Lula é vítima de boatos e mentiras há muitos e muitos anos, desde que passou a representar uma séria ameaça aos grupos que controlaram o país durante décadas a fio. Leia aqui alguns dos principais boatos, saiba a verdade e ajude a divulgar as informações reais”, diz o site elaborado pelo Instituto Lula; pagina responde a questões como: Lula recebe aposentadoria por invalidez? É verdade que está com câncer no pulmão? O filho dele é dono da empresa Friboi?

247 – O Instituto Lula elaborou um site para desmentir “mitos sobre Lula”: “Lula é vítima de boatos e mentiras há muitos e muitos anos, desde que passou a representar uma séria ameaça aos grupos que controlaram o país durante décadas a fio”, diz a página.

O site responde a questões como: Lula recebe aposentadoria por invalidez? É verdade que está com câncer no pulmão? O filho dele é dono da empresa Friboi? Acesse aqui


| 1 comentário em SITE DESMENTE MITOS SOBRE LULA


Página 159 de 159« Primeira...102030...155156157158159

  • Últimos Comentários

    • LUIS CLÁUDIO: Tô fora de Adauto, de Marco e de Adroaldo. Aonde Marcelo Andrade for eu vou com ele, ele éra o único...
    • anonimo: com miseria eu ainda voto nos candidatos de Marco Brito pelo menos ele é melhor que esse Adauto que não dá...
    • Zé Perequeté: Cambada de feladaputas que colocaram Itororó no cú do rato. Todos safados que só meteram a mão na grana...
    • Elias: Corrigido! Para o céu, não bosta.
    • Elias: Esse José, deve ser um comedor de feira na época Marco Brito. José, pelo visto vc não sabe nada de política,...
    • Edcarlos Locutor: Em 12 anos de mandato,Marco não fez o que Adroaldo fez em 4 anos. Mas tem a sua Marca na política...
    • Ricardo da Urbis: Esses dois ai não vão pra lugar nenhum mais ,do jeito que ele fizeram com Itororó deixaram a...
    • Lucineide: Como já se conversa em Itororó em que Marco Brito pode apoiar Rosemberg e Adroaldo apoiar Sergio Brito, e...
    • macinho lima: O votos da maioria do povo de itororó hoje é de Adroaldo, ele foi o cara que quando o Wagner estava no...
    • Lidinha: O que Marco Brito perde sem Marcelo nada ate porque ele e nem Marcelo tem mais voto em Itororó e nos...