CAMAPEL: POR ALMIR PORTELA

 

CAMAPEL

 

 

Na cidade ainda tem o CAMAPEL, Clube Amador de Pescadores El Dourado, tinha muitos sócios, e hoje vamos contar um causo, com um dos membros que é o senhor André, ele gostava de cozinhar, seus pratos preferidos eram: feijoada, fatada, rabada e qualquer comida pesada, brincalhão, mas cismado, gostava de uma pinga e pitar seu cigarrinho. O grupo se reunia em sua sede e anualmente ia pescar no rio em Carinhanha, pescavam na semana e no domingo tirava o dia para descansar e tomar suas pingas, estava reunido na barraca junto ao rio, quando um dos membros ligou para a cidade para saber noticias das famílias, e dentro dessas informações obtidas da ligação, houve um boato que tinham sequestrado um filho de Abelardo, político e fazendeiro, o boato deixou todos em polvorosa, fato nunca acontecido na cidade, teceram diversos comentários, uns queriam voltar, outros não, nisso chega André, com um copo de pinga e seu cigarrinho no canto da boca, ouviu o boato, analisou e disse: ”Que chororô é esse? Abelardo só tem dois filhos, só porque ele é rico? Manda esse fí da peste do sequestrador lá em casa, ele vai encontrar três negros e três negras da bundona, ele pode levar pelo menos quatro”.

 

 

Causos de Almir Portela

 

 

 


0 Comentários

Deixe o seu comentário!