WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Itororó

VEREADOR VALFRIDO AVANÇA NA POLÍTICA DERROTANDO UMA LEGIÃO DE PODEROSOS

A VITÓRIA DE VALFRIDO COLOCA RIO DO MEIO NUM DEGRAU MAIOR DE NOSSA HISTÓRIA.

Não foi fácil para o vereador Valfrido sustentar sua candidatura até o fim, sabendo que enfrentaria o prefeito Adauto, agora, muito disposto a ter a câmara nas mãos para fazer dela o que ele bem quisesse.

Adauto não aguentou o peso do posicionamento de Valfrido, vereador que, ao lado do presidente Jônatas, o combateu por dois anos na casa legislativa, questionando em detalhes cada artigo de projetos enviados a casa e fazendo voltar por contas dos erros infantis de cada um deles, que, acompanhado de suas maldades, Adauto queria empurrar goela abaixo da sociedade.

Valfrido foi um calo no sapato do médico prefeito e um espinho na carne de sua bancada de bajuladores que louvaram mais Adauto do que Deus no plenário do parlamento municipal.

Jônatas honrou o acordo inicial, elaborado por mim em 2016, para tornar Valfrido presidente em 2018.

Sofremos um golpe duro com a saída de Dilson Bracim para o governo, acusamos o golpe no primeiro momento, mas o vereador compreendeu a natureza da situação e seguiu em frente com o meu apoio e de Jônatas que não arredou pé da possibilidade de ainda vencer a eleição da casa.

Gravitava na arena da disputa o voto de Dona Renilda que seria a cereja do bolo para qualquer um dos lados.

Evidente que a eleição estava ganha com o governo que assediou Renilda de todas as formas e, nós, só tínhamos o discurso da importância de ter uma Câmara Independente para justificar o voto do povo aos seus vereadores que não o envergonhasse nessa matéria: autonomia da casa, o que Valfrido amargou alguns dissabores com parte de seus colegas de governo que incensavam o Governo da Cidadania, num constante rodízio de beija-mãos e lava-pés em sessões de puxa-saquismos do prefeito jamais visto em uma casa legislativa. Era Adauto no céu e Deus na terra para os fanáticos defensores de Itororó que se alimentavam das migalhas de luz que caiam da mesa do “prefeitim” ditador, tão idolatrado por sua trupe.

Rio do Meio deve se orgulhar de Valfrido, pois, o distrito dá um passo importante com seu vereador, sendo Valfrido o segundo homem do distrito a conseguir essa façanha, depois do saudoso Edson Oliveira no século passado.
Marco Brito com dois vereadores seria a figura mais importante para garantir o avanço da chapa. Marco topou a parada.

Léo Gás foi uma aquisição importante para Valfrido, que já sinalizava nessa direção, muito por conta das mágoas de não ter obtido apoio do prefeito para seus projetos, desenganado de uma boa relação com Adauto, Léo bateu o martelo com Valfrido, o que amedrontava o governo, apesar de o governo dizer nas ruas que ganharia a eleição por 7 a 4, contando com o voto de Léo.

Porém, o voto mais disputado foi o da vereadora Renilda, cujo assédio sofrido nos últimos dias que antecediam o pleito foi de arrombar.

Do lado de cá, Valfrido montou uma Força Tarefa para disputar esse voto, e pessoas importantes da comunidade contribuíram para esse arremate.

Mais uma vez, Marco Brito, com toda sua experiência, atuou e influenciou para que tudo se encaminhasse com Dona Renilda, onde, em sua fazenda consagramos a chapa vencedora.

Durante o período de mais ou menos cinco horas que lá estivemos, o grupo de Adauto enlouqueceu na cidade em busca de Dona Renilda. Liberamos a vereadora por volta das 16:30 horas, o que dava tempo suficiente para que as feras do governo a atacasse, o que aconteceu.

Mas, Renilda, foi guerreira e manteve sua palavra até a hora final.

Assim sendo, Valfrido vai presidir a casa legislativa dando continuidade ao seu sucessor, e é por isso que a cidade, com uma Câmara independente, deve se orgulhar de Rio do Meio por ter dado mais um ilustre filho à sua política, além de seu pai, Rosa Miranda.

mILTON mARINHO

2 Comentários

  1. Nessa decisão de Renilda foi Marco Brito que veio a Itororó é conversou com ela e mais dois amigos antigos que já foram moradores da Cabana da Ponte que conversaram com ela também para ela tomar o rumo certo e assim foi feito por ela .

  2. Quem decidiu a eleição da Câmara foi Marco Brito e o grupo de oposição foi quem deu as cartão para Renilda ficar na oposição e puxar o tapete de Marcelo Andrade é Dilson Bracim é foi bem feito cortando as asas deles. Valeu Marco Brito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Fechar